Escolha uma Página

 Salve Amante das cordas!

Seja bem vindo a mais uma aula do Blog do Alabama! 

Estou de volta! Pois é, essa pandemia me pegou em cheio. Praticamente sem tempo pra poder permanecer no Instituto, acabei tendo de pausar alguns projetos importantes, como o curso gratuito por email, mas estou de volta!

Neste tempo que eu não pude trabalhar o tanto que eu queria, usei para planejar e reavaliar tudo aquilo que tenho feito, e analisando o volume de pedidos para eu postar conteúdo de violão, ví que o volume é tão grande que eu tenho a obrigação de postar mais conteúdo.

Por isso, vou fazer uma série voltada 100% ao violão desde o absoluto zero, e já vou começar explicando algo que me perguntam muito:

Cordas de Nylon ou Aço no Violão?

Se você já pesquisou sobre “como escolher violão para comprar”, já deve saber que existem duas opções de violão:

  • Com cordas de nylon
  • Com cordas de aço

Saber a diferença deles é essencial para que você compre o instrumento certo de acordo com o estilo musical que você quer tocar.

As cordas de nylon são naturalmente mais macias do que as de aço. Elas também são mais flexíveis e mais leves, por isso são recomendadas para quem está começando a praticar no violão. O som que elas ajudam a produzir é naturalmente mais baixo, além do timbre ser delicado e suave. 

Esse tipo de corda também é o ideal para quem pretende tocar MPB, bossa-nova e samba, além de ser ótima para música clássica.

Violão de aço: como é a corda e estilos musicais indicados 

Já as cordas de aço são mais duras e “difíceis” de tocar do que as de nylon e justamente por isso são utilizadas por quem já é mais experiente. Elas ajudam a emitir um som mais intenso e o timbre é mais puxado para o vibrante ou estridente. Quem toca rock, pop, música sertaneja e gospel costuma utilizar violões com cordas desse tipo. 

Vantagens de um violão de aço

Possuem um volume mais alto: As cordas de aço possuem um brilho a mais no som, emitem um som mais metálico e mais alto se comparado a um violão que não é de aço.

Afinadas por mais tempo: As cordas tendem a desafinar de acordo com a mudança de temperatura, umidade ou tempo. As cordas de aço são mais resistentes à essas mudanças e garante uma afinação por mais tempo.

Flexibilidade para tocar: Cordas de aço podem ser tocadas tanto com as mãos quanto com a palheta, ela sustenta a palhetada.

Desvantagens de um violão de aço

Mais dores no início: Para um iniciante a corda de aço é menos confortável, e vai doer mais os dedos até que eles calejem. Entretanto é curto o tempo de adaptação. Em duas semanas a dor passa, dependendo da sua dedicação, claro.

Manutenção: As cordas de aço precisam ser trocadas com mais frequência, pois com a umidade natural do tempo, suor e acidez da mão podem enferrujar e prejudicar a sonoridade emitida. O ideal é trocá-las a cada 3 meses no máximo, mas isso varia de acordo com a frequência de uso.

São maiores: Os violões de aço tendem a ser maiores, portanto se a sua estrutura física é pequena, isso pode ser uma desvantagem.

Vantagens de um violão de nylon 

Violão mais leve: Como mencionado ele é mais leve e tende a ser menor, portanto se você tiver uma estatura física pequena, essa é uma vantagem.

Menos dores no início: Para um iniciante este tipo de corda dói menos os dedos, pois são mais macias. Portanto no início será mais fácil tocar com este tipo de corda.

Apropriados para músicas mais clássicas: Cordas de nylon possuem um som mais suave, portanto são as mais indicadas para as músicas clássicas, samba, MPB e dedilhados. Tocar esses ritmos com esse tipo de corda faz com que o som fique mais agradável.

Desvantagens de um violão de nylon

Desafinam com frequência: Todo o tipo de corda tende a desafinar de acordo com as mudanças climáticas e com o tempo. Este tipo de corda é mais sensível às mudanças climáticas, portanto desafinam com mais frequência.

Não suportam a palheta: Este tipo de corda é mais suave e, portanto, é ideal tocá-las com as mãos. Portanto se você preferir utilizar a palheta, essa é uma desvantagem.

Demora calejar: Se você pretende tocar violão, já fique ciente de que os seus dedinhos vão calejar, e isso é bom pois garante que os acordes sejam feitos sem dores e, consequentemente, com mais perfeição. Entretanto este tipo de corda é mais macio, e, portanto, demora mais para que esse calo surja nos dedos.

 

Para que você possa acompanhar e entender como aplicar as dicas acima, assista o vídeo que eu publiquei no YouTube no dia 29 de Setembro de 2020, chamado “Cordas de Nylon ou Aço no Violão?”. Para assistir, basta clicar na imagem abaixo:

Se você já faz parte do #TeamAlabama, muito obrigado por fazer parte desta imensa família de aprendizes da música. Se você ainda não faz parte do #TeamAlabama, junte-se a nós! Você não paga nada por isso e você aprende ou aperfeiçoa os seus conhecimentos na guitarra. Fica aqui o meu convite especial para você fazer parte de nossa família.

Como? Visite o meu website www.mauricioalabamaonline.com e inscreva-se. É gratuito e você recebe emails com conteúdo valioso (como o deste artigo). Junte-se a nós!

Lembre-se o conhecimento não veio até você para ficar preso. Nos ajude a criar uma comunidade ainda mais forte na música, convidando seus amigos a participar do #TeamAlabama.

Forte abraço e até a próxima!

Mauricio Alabama